Sem acordo, relator da reforma administrativa se reúne nesta terça com líderes e Lira

A comissão especial da PEC 32/2020, da reforma administrativa, deve adiar mais uma vez a votação do texto. Os líderes definiram em reunião na tarde desta segunda-feira (20) que, nesta terça (21), voltam a se reunir para, junto com o relator, deputado Arthur Maia (DEM-BA), e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-PI), tentar avançar nos pontos sobre os quais ainda não há acordo.

Inicialmente, a votação do texto estava marcada para começar às 10h desta terça. Na última sexta-feira (18), Maia apresentou aos membros da comissão mais uma proposta de substitutivo. Porém, a versão segue sendo discutida e não chegou a ser protocolada oficialmente. Entre as indefinições está a inclusão ou não dos membros do Judiciário na PEC.

Ao Insider, o deputado Tiago Mitraud (Novo-MG), presidente da Frente Parlamentar Mista da Reforma Administrativa, reiterou a defesa da inclusão dos magistrados na reforma e ainda da inclusão dos atuais servidores nas vedações estabelecidas no texto.

Mesmo sem estar “100%” de acordo com o texto, Mitraud avaliou que seria possível já votar a proposta e fazer eventuais mudanças por meio dos destaques, como pontos relacionados às polícias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *